Não se deixe vencer pelos momentos difíceis. São só momentos e eles passam.

por Karen Padilha

Mesmo em tempos de tremenda dificuldade, de ter pensado em desistir, de ter acreditado que todas as minhas forças tinham se esgotado, pois não conseguia reagir e lutar por mim mesma, de ter diversas vezes desacreditado na vida, eis que ela decide de forma repentina surpreender mais uma vez.

Uma força que estava guardada a sete chaves no mais profundo do meu coração resolveu vir à tona e mudar tudo de uma vez por todas.

Às vezes as coisas mais bonitas nascem daquilo que dói profundamente. Eu passei por noites suficientes sem saber quem sou, não sabendo o que significa estar viva, e mesmo assim diante das situações, dos acontecimentos e pensamentos autodestrutivos, eu consegui, mesmo sem saber, não desistir daquilo em que acredito e o mais importante, não desisti de acreditar nos meus sonhos e na minha capacidade de realizá-los.

Em meio a todo caos, fiz o que acredito que será uma ferramenta de ajuda para pessoas que assim como eu tinha perdido a vontade e razão para viver, comecei a escrever meu primeiro livro que já tem editora e contrato assinado e data para lançamento.

Dizem que escritores escrevem seus melhores livros, textos, poesias e etc quando estão em seus momentos difíceis que faz doer o coração. E então foi isso o que fiz… a única coisa que saciava minha dor: escrever.

Hoje, acreditando novamente na vida e tendo vontade e razão para viver, estou trabalhando em mim todos os dias, por dentro e por fora.

Estou trabalhando minhas falhas e estou tentando alcançar a lua. Estou tentando ser minha própria estrela e tentando iluminar meu próprio céu.

Agora é o começo de uma nova era para mim, hora de terminar projetos em construção e criar outros. É hora de fazer tudo acontecer, de fazer o que eu amo e nasci para fazer: escrever. E, através disso, ajudar e inspirar pessoas que se encontram em tempos difíceis.

Eu perdi por um bom tempo todas as minhas esperanças e toda a vontade de viver. Felizmente, por méritos meus, consegui reencontrar o que havia perdido.

Quando você pensar que tudo está perdido, lembre-se: tudo não pode se perder.Mesmo nos piores momentos, aqueles devastadores que tiram tudo do lugar e viram tudo de cabeça para baixo, temos que lembrar que possuímos o poder de mudar toda e qualquer situação em nossa vida. Basta procurarmos e recomeçar de onde paramos, ou então, recomeçar do zero.

poder está dentro de nós!

Imagem: Pexels

 

Karen Padilha natural de Cotia-sp , formada em Introdução a Filosofia ( University of Edinburg – Londres), Introdução a Psicologia ( University of Toronto), Origens da vida no contexto cósmico (USP) e Inglês ( Mayfair School of English- Londres). Áreas como filosofia, psicologia e astronomia são fontes de inspiração para seus projetos.

Acabou de de escrever seu primeiro livro que, em breve, estará disponível nas livrarias: ‘’ O que fizeram de mim? Reflexões sobre traumas e transformações” .

Deixe uma resposta

*